Service design entenda mais sobre esse conceito os pincipios importancia crescimento da competitividade experiencia pontos como aplicar

post

Service design: entenda mais sobre esse conceito

Publicado em: 16/11/2022

Categorias: BlogConteúdo

Service design, também chamado de Design de Serviço, é uma prática que foca em planejar e ajustar todas as áreas de um negócio a meta de criar um relacionamento bom e uma interação com os clientes que seja eficaz.

Sabe-se que uma empresa necessita melhorar as suas áreas e, também, a agenda empresarial personalizada. Grande parte dessas melhorias compete à gerência das suas relações com os seus clientes.

O foco dessas melhorias é ter um bom relacionamento com os clientes.  Não é só uma simples interação, visto que o foco deve ser dado a procedimentos que sejam eficazes para reter esses clientes.

O Service Design é um termo que engloba várias disciplinas e estruturas muito conhecidas de quem já trabalha no setor de produto, como o design thinking e a jornada do usuário, aplicadas ao trabalho de uma empresa de serviços de cerâmica para parede da sala.

Afinal, oferecer um serviço muito bom e oferecer uma experiência incrível aos clientes deve ajudar, inclusive, para o crescimento do engajamento deles com o produto e com a empresa, assim como com a credibilidade da empresa no interior mercado em que atua.

Se ainda não se entendeu como essa abordagem funciona, não há motivos para preocupações, visto que a sua aplicação é intuitiva e facilmente compreensível.

Pensando na necessidade do Design de Serviços para o mundo de Produtos, este artigo mostra e explica o conceito de Service Design.

O Design de Serviços é algo importante até para uma empresa que vende placa com logomarca, pois os novos costumes e modos de consumo, impactados pela tecnologia, fizeram mudanças fundamentais na relação entre empresa e clientes.

O produto, em si, segue sendo importante, mas não se fundamenta mais sem uma experiência do cliente de qualidade. Espera-se que os negócios ofereçam mais do que eles vendem. Por isso, a ideia de design de serviços tem se tornado cada vez mais essencial.

Os clientes esperam que toda a experiência de aquisição seja bem satisfatória, ou seja, uma empresa de pintura prédio condomínio, necessita se preocupar com mais fases dessa relação com os seus clientes.

Por isso, o trabalho de desenvolver o serviço acabou se tornando algo que traz peso e valor. Se essa atividade é bem executada, as companhias estão bem feitas para engajar mais clientes, fidelizá-los e produzir cada vez mais conversões para a empresa.

Conceito de Service design

O Design de Serviço, também chamado de Service Design, é a prática que possibilita às empresas trabalharem no desenvolvimento de toda a relação com os clientes de forma que seja possível fazer um serviço de muita qualidade.

Esse tipo de trabalho é constante e se aplica não só em quem vende serviços, mas também nas empresas que vendem produtos.

A ideia é que, na relação com os clientes, a postura do negócio seja mais voltada a levar satisfação em todas as fases. 

Por isso, do marketing de atração até depois da venda, cada momento é bem desenvolvido para levar a segurança, confiança na conexão e, por fim, a fidelização do cliente.

Isso só é alcançado, porém, com um serviço de desenvolvimento do processo implementado pela empresa. 

Para chegar a um serviço mais qualificado que, além de vender o produto, também tenha a capacidade de gerar uma satisfação completa, não só com o que foi comprado, há um trabalho extenso a ser realizado.

As empresas devem se preocupar em produzir uma experiência satisfatória, simplificada e conveniente ao público. Além disso, a cada ponto de contato com o consumidor, é exigido que se garanta que a relação seja a mais interessante possível.

Os princípios do Design de Serviços

O livro This is Service Design Thinking, cujos autores são Marc Stickdorn e Jakob Schneider, é largamente citado quando se refere a Design de Serviços. No livro, os autores mostram os 5 princípios do Service Design:

  • Ser centrado no usuário;
  • Cocriação;
  • Sequencial, as fases do processo devem ser bem planejadas;
  • Transparente, as pessoas devem ver os resultados do Service Design;
  • Holístico, deve integrar variados elementos.

Além disso, no plano de boas experiências para os clientes e para a entrega de resultados contínuos, o Service Design deve levar em conta os recursos disponíveis na empresa, como tempo, dinheiro, time e não só as vontades do usuário.

A importância do Design de Serviço

O Design de Serviços tem a capacidade de pôr o negócio em um patamar diferente e ainda mais importante dentro do seu ramo de atuação. 

De modo natural, toda empresa tem como foco se desenvolver sem abandonar a cultura, e isso é totalmente possível quando se pensa além do produto.

Essa é a melhor maneira de alcançar os resultados almejados, mas sem que se perca a forma certa de lidar com o público e as vontades. 

Será possível entender, em alguns pontos, a necessidade deste trabalho e o que ele vai proporcionar em relação às empresas:

Crescimento da competitividade

As empresas se esforçam cada vez mais para levar aos clientes produtos de grande qualidade. No entanto, entre as brigas por inovação e a entrega de tendências, o cenário é cada vez mais forte.

Com pouco espaço para passar concorrentes, a melhor forma de conseguir isso é através dos serviços, ou seja, variações que as empresas entregam além dos produtos. 

O design de serviço possibilita estruturar melhor toda a experiência, desenvolvendo algo único para os consumidores.

Experiência a partir da cultura do negócio

Várias empresas têm a raiz em uma cultura muito específica, independentemente do ramo. O desafio, no entanto, é levar a filosofia para fora das portas, ou seja, replicar na entrega do produto ou serviço ao cliente.

Por mais que seja um trabalho complicado, é possível passar essa abordagem de várias formas.

A cultura da empresa parte de um relacionamento mais próximo entre as pessoas, com menores amarras sociais que implicam em certas formalidades.

Pontos de maiores contatos sequenciais

O desenvolvimento do serviço de forma planejada também possibilita que as empresas estruturem bem todos os pontos de contato com o seu público.

A principal vantagem disso é ter uma proximidade bem contínua, mas também com uma linha do tempo que respeite o progresso do cliente na jornada. 

Como aplicar o Service Design?

Torna-se mais fácil de compreender o design de serviço quando se visualiza as situações em que ele é implementado. Primeiramente, é preciso saber quais são os cinco estágios que devem ser aplicados ao criar essa experiência completa do consumidor:

1. A exploração

A jornada de design de serviço começa com a projeção de serviços que sejam mais úteis à experiência do cliente, possibilitando a solução de problemas e entregando algo valioso a esse consumidor. 

Assim, as empresas exploram ideias a partir do que identificam como sendo necessidades de melhorias.

2. A criação

Na sequência, a criação é a fase em que essas ideias são remodeladas em processos que realmente sejam funcionais.

Por exemplo, se o foco é ter um atendimento diferenciado em uma empresa que vende vinho tinto suave doce, com o uso do chatbot, essa é a fase em que o sistema é criado e preparado para atender o consumidor, com base em possíveis dúvidas que ele vai ter.

3. A reflexão

A fase de reflexão é aquela em que o negócio passa pelos ciclos de absorção e treinamento da utilização do seu novo serviço.

4. A implementação

É o tempo em que os serviços começam de fato a funcionar de forma concreta. A fase começa com os esforços do negócio em desenvolver o serviço e se demoram até a fase em que os consumidores utilizam-no.

Por exemplo, na utilização de totens de auto checkout e na implementação, eles são colocados nas lojas e o uso é acompanhado,sempre com a ajuda. Os colaboradores qualificados estarão na fachada de loja de móveis, por exemplo, para auxiliar os clientes.

5. Identificação dos riscos e novas oportunidades

Uma vez que esses novos serviços são feitos, a empresa deve focar em procurar as melhores maneiras de oferta e de funcionamento. Ainda mais uma empresa que vende expositor de madeira para parede, por exemplo.

Quando já estão à disposição do cliente, o trabalho se reduz à análise de riscos e até mesmo a oportunidades de melhorias.

Considerações finais

O Design de Serviços é mais do que um trabalho muito pertinente, já que oferecer uma experiência de destaque se tornou fundamental. É fundamental para todos os ramos, até para uma empresa que oferece serviços de revestimento de parede em pvc

A expectativa dos clientes em relação aos negócios cresceu muito na era da transformação digital, o que vai exigir muito mais foco na conquista e fidelização desse público. Por isso, as empresas nunca devem deixar de investir em Service Design.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.


Link de compartilhamento

Compartilhe esse conteudo nas redes sociais ou por mensagem usando o link curto abaixo. Basta clicar em cima do link para copiar.

bruno.art.br/pb/2142

ID de Referência: 2142

Sugira uma publicação

Envie uma mensagem para mim, e sugira alguma publicação de algum tema que tenha dificuldades de resolver.

Clique aqui e entre em contato


Comentários